Fórum para Crossdressers, Transgêneros e Supporters
 
InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» Quadrinhos CD/TS
Seg 09 Out 2017, 15:48 por stefanyemian

» O fetiche da inversão de papéis é mais antigo do que você imagina
Sex 06 Out 2017, 19:42 por juh.cdzinha

» Top 7 Regras de Lingerie
Qua 04 Out 2017, 07:24 por kinkyceline

» Nome social no CPF
Qua 23 Ago 2017, 17:38 por Luisa_2u

» Espiritismo e CDing
Qua 23 Ago 2017, 14:28 por stefanyemian

» Filmes relacionados ao mundo cd
Qui 03 Ago 2017, 17:15 por VanessaRinaldi

» O QUE É SER BISSEXUAL?
Sex 28 Jul 2017, 13:33 por stefanyemian

» Não existe cérebro masculino ou feminino.
Sex 28 Jul 2017, 13:24 por stefanyemian

» SEU CÉREBRO É FEMININO OU MASCULINO?
Sex 28 Jul 2017, 13:17 por stefanyemian

» UM HOMEM QUE GOSTA DE SE SENTIR COMO UMA MULHER
Seg 24 Jul 2017, 18:41 por Akai San

Tópicos mais ativos
videos de transformações e afins
Quadrinhos CD/TS
grupo de brolita
SUGESTÕES DIVERSAS - "SAU"
Vestimentas na Bíblia
Inferno - Realidade ou invenção?
Você deixaria seu filho assistir o desenho de um super heroi Crossdresser?
Divulgação de Blog's
Dicionário Crossdressing Place
Crossdressing Clube em Campinas - SP
Estatísticas
Temos 694 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de renato

Os nossos membros postaram um total de 25009 mensagens em 1276 assuntos
Contador de Visitas

Compartilhe | 
 

 Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Sex 06 Dez 2013, 08:02

A advogada e empresária Márcia Rocha, 47, é travesti. Usa próteses de silicone, tem pênis e se autodefine como bissexual. Foi casada duas vezes com mulheres e tem uma filha de 18 anos.
O webdesigner Leonardo Tenorio, 23, nasceu mulher, mas desde a adolescência se sente homem. Com o uso de hormônio masculino, ganhou barba e esconde os seios sob uma faixa apertada. Agora, ele briga com o plano de saúde pelo direito de fazer uma mastectomia.
Ambos estão prestes a obter uma conquista histórica: deixar de serem classificados como doentes mentais. Hoje, o manual que orienta os psiquiatras considera transexualismo (que passou a se chamar incongruência de gênero) um transtorno.
Mas a nova versão da lista de doenças que orienta a saúde em todo o mundo, a CID-11 (Classificação Internacional de Doenças), editada pela Organização Mundial da Saúde, deverá eliminar isso.
Alex Argozino/Editoria de Arte/Folhapress
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Vários comportamentos tidos hoje como transtornos, como o sadomasoquismo e o travestismo fetichista, serão varridos da CID. Outros, como o transexualismo, vão mudar de categoria.
Os trans, por exemplo, vão ganhar um novo capítulo, longe das doenças, que deve reunir outras "condições relativas à sexualidade", ainda a serem definidas.
A ordem é "despatologizar" o sexo. "Comportamentos sexuais que são inteiramente privados ou consensuais e que não resultem em danos às outras pessoas não devem ser considerados uma condição de saúde. Não há razão para isso", disse à Folha Geoffrey Reed, diretor de saúde mental da OMS.
Reed esteve em São Paulo em encontro para discutir pesquisas e análises que serão feitas no país sobre as novas propostas. No Brasil, a coordenação dos trabalhos é da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).
Zé Carlos Barretta/Folhapress
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Leonardo Tenorio, 23, se sente homem desde a adolescência
Segundo Reed, a ideia é reduzir preconceitos e facilitar o acesso a terapias a quem realmente precisa delas.
"Por que nós, trans, precisamos de um diagnóstico? Por que precisa de um médico para dizer que a pessoa é o que ela é? Nosso direito de autonomia é totalmente ceifado com essa atual patologização", diz Tenorio, presidente da Associação Brasileira de Homens Trans.
POLÊMICA
A questão, porém, é complexa. Existe o temor que ao, perder a classificação de doença, esses comportamentos deixem de ser cobertos pelos sistemas de saúde. No Brasil, por exemplo, os transgêneros têm direito a cirurgias de mudança de sexo e outras terapias no SUS.
"Estamos analisando o impacto nas leis da mudança de diagnóstico como um todo para evitar qualquer eventual prejuízo ao acesso aos serviços de saúde", afirma a psiquiatra Denise Vieira, uma das coordenadoras brasileiras da revisão da CID na área de saúde sexual.
Para a cirurgia de troca de sexo no SUS, por exemplo, a pessoa precisa ser avaliada, dois anos antes, por uma equipe de psiquiatra, cirurgião, psicólogo, endocrinologista e assistente social.
Zé Carlos Barretta/Folhapress
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
A advogada Márcia Rocha, 47, travesti e bissexual
Segundo os médicos, o cuidado é porque, se feita em pacientes sem o diagnóstico de transexualismo, pode resultar em distúrbios psíquicos graves e até levar ao suicídio.
Mas a burocracia só ocorre no SUS, segundo a advogada Márcia Rocha, que estampa em seu registro profissional o nome de Marcos Fazzini da Rocha.
"Quem tem dinheiro consegue colocar ou tirar o que quiser", afirma ela, integrante da comissão de direitos da diversidade sexual e combate à homofobia da OAB/SP, citando os próprios seios.
CRIANÇA TRANS
Outra polêmica em curso é o diagnóstico da criança trans. Há grupos que defendem que elas não sejam rotuladas como tal na infância porque estudos mostram que, no futuro, muitas tendem a ser gays ou lésbicas, e não transexuais.
Para o psiquiatra Jair de Jesus Mari, professor titular da Unifesp, ainda há várias questões no campo da sexualidade que devem ser levantadas até a conclusão da revisão da CID-11, prevista para ser publicada em 2015.
"Não há um conceito biológico claro do que são transtornos mentais ou de sexualidade. Não vamos dar conta de toda a complexidade do comportamento humano."


Fonte Original: Uol: 

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
melynna
CD Avançada
CD Avançada
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Sex 06 Dez 2013, 10:24

É muito bom acreditar nisso Niele, que os trans estão aos poucos recebendo uma consideração mais humanizada, de algumas classes, mesmo que demore ainda muitas décadas para receber o devido respeito como cidadão, do governo e da maioria da população.
Mas será mesmo que vai haver um consenso entre os profissionais da medicina?

_________________
Sempre há tempo de lutar pra ser quem você quer ser, e mudar é bom
Voltar ao Topo Ir em baixo
MK Desativado
CD Expert
CD Expert



MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Dom 08 Dez 2013, 14:17

Minha teoria da conspiração. Com o aumento da exposição trans, pode ter havido pressão por parte das operadoras de planos de saúde. Uma "doença" a menos para ser tratada.

_________________
Esta mensagem expressa a minha opinião pessoal sobre o assunto e não pretende de forma alguma, ser definitiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
brunalippi
CD Experiente
CD Experiente
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Dom 08 Dez 2013, 17:11

Eu sou contra essa medida! Disforia de Gênero existe. isso não é uma opção! Sofremos e muito por isso, em todos os sentidos. Não sei se isso seria uma "doença", mas tirar a disforia de gênero vai afetar sim a legislação que obriga coberturas dos planos de saúde e sobretudo, do atendimento público do próprio governos - SUS - para as não 100% trans. Essa medida, em nada vai mudar ou mitigar a discriminação! Pior, somente nos últimos naos " disforia de gênero", te despertado maior interesse de pesquisas psiquiátricas e de neurociência, temo por diminuir esse interesse da comunidade científica também!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 09 Dez 2013, 08:35

Há prós e contras de qualquer forma, nao tem como negar.

Acho interessante a disforia sair da lista, justamente para tirar aquele estigma da pessoa doente, nao sou doente, eu nao tenho uma doença, ser gay, ou disforico nao é uma doença e nisso eu concordo com a bandeira do arco iris.

Porém, concordo q isso vai dificultar tratamentos dignos pelo sistema do SUS e planos de saúde, ao mesmo tempo que poderá produzir um efeito no mercado informal de transição, afinal, se nao é doença, qquer um pode se identificar com isso sem medo (em teoria), se hj em dia o acesso à hormonios e etc ja é facil, depois então, é capaz de criarem um diane35 com um nome diferente só pra chamar atenção de trans e etc (nao sei como nao fizeram isso ainda na verdade)

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
MK Desativado
CD Expert
CD Expert



MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 09 Dez 2013, 09:07

O processo de mudanca de sexo continua sendo oferecido pelo SUS.
Quando se exclui uma "doença" do CID, a intenção é discordar, por exemplo, da cura gay.

_________________
Esta mensagem expressa a minha opinião pessoal sobre o assunto e não pretende de forma alguma, ser definitiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 09 Dez 2013, 10:02

yeap, eu tava falando com Mestra K a respeito, ela me mostrou essa materia:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Nova regra para redesignação de sexo no SUS contempla Transexual masculino

Marcadores: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Processo inclui também, terapia hormonal, retirada de mamas, úteros e ovários, próteses de silicone, adequação das cordas vocais

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

O Ministério da Saúde publicou, nesta quinta-feira (21), novas diretrizes para atendimento de transexuais e travestis pelo Sistema Único de Saúde (SUS). As novas regras contemplam os transexuais masculinos: pessoas que são fisicamente do sexo feminino, mas se identificam como homens. Esse grupo não estava incluído na portaria que regia o processo de mudança de sexo pelo SUS até então.



[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

 A Portaria 2.803 de 19 de novembro de 2013, publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, estabelece que os transexuais masculinos tenham as cirurgias de retirada das mamas, do útero e dos ovários cobertas pelo sistema público. Eles também passam a ter direito à terapia hormonal para adequação à aparência masculina.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Já as transexuais femininas – aquelas que nascem com corpo masculino, mas se identificam como mulheres, também terão um tratamento adicional coberto pelo SUS: a cirurgia de implante de silicone nas mamas. Desde 2008, elas também têm direito a terapia hormonal, cirurgia de redesignação sexual, com a construção de neovagina, e cirurgia para redução do pomo de adão e adequação das cordas vocais para feminilização da voz.
Para o cirurgião Walter Koff, professor de Urologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e coordenador do Programa de Transexualidade do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, a nova portaria representa um avanço. “Temos 32 pacientes na fila esperando essa portaria para poder retirar mamas, ovários e útero. Isso vai ser muito importante.”
O Avanço tem sido muito grande no Brasil, país que com umas das legislações mais avançadas na áera de transexualidade diz Walter Kolff

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre é um dos quatro centros brasileiros capacitados para realizar esse tipo de tratamento. A instituição já fez 168 cirurgias de redesignação do sexo masculino para feminino.

A partir de agora, também terão direito a atendimento especializado pelo SUS as travestis, grupo que não tem necessariamente interesse em realizar a cirurgia de transgenitalização.  A portaria define que o tratamento não será focado apenas nas cirurgias, terapias hormonais, em um atendimento global com equipes multidisciplinares.


Para Koff, uma crítica à portaria é o fato de ela não incluir a cirurgia de redesignação de sexo do feminino para o masculino: a construção do pênis, também chamada de faloplastia. Segundo o Ministério da Saúde, o procedimento não pode ser plenamente incluído, pois ainda é considerado experimental no país, de acordo com uma resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM).
“Não consideramos essa técnica como experimental, ela é feita no mundo inteiro. É uma técnica muito similar à utilizada em homens que perdem o pênis por acidente ou doença”, contesta Koff.
Polêmica da idade mínima
As novas regras estabelecem a idade mínima de 18 anos para início da terapia com hormônios e de 21 anos para a realização dos procedimentos cirúrgicos. Essas são as mesmas idades estabelecidas pela Portaria 457, de 19 de agosto de 2008, regra que regia o processo de mudança de sexo até então.

Em 31 de julho deste ano, o Ministério da Saúde chegou a publicar uma portaria para definir o processo transexualizador pelo SUS - suspensa no mesmo dia de sua publicação - que estabelecia a redução da idade mínima para hormonioterapia para 16 anos e dos procedimentos cirúrgicos para 18 anos, o que foi revisto nas novas regras.
Segundo o Ministério da Saúde, essa revisão foi decidida para adequar as normas à resolução 1955, de setembro de 2010, do CFM.
Para Koff, o ideal para o paciente é passar pelo tratamento o quanto antes. “Vamos reivindicar que se abaixe a idade mínima para a cirurgia e para o tratamento com hormônios. Quanto antes, melhor. Como esse processo começa na infância, quando eles têm 16 anos, já estão no fim da puberdade e têm condições de tomar a decisão”. Segundo ele, o tratamento precoce pode evitar sofrimentos no âmbito social e afetivo.
Mariana Lenharo  - Do G1, em São Paulo

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
MK Desativado
CD Expert
CD Expert



MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 09 Dez 2013, 11:49

Tá certo que nao deve ser como pastelaria. Chega e pede um de carne e 2 de palmito.
Importante notar o trecho que diz que o Brasil avançou muito na legislação.
Mas continuo insistindo, trans não são CDs.

_________________
Esta mensagem expressa a minha opinião pessoal sobre o assunto e não pretende de forma alguma, ser definitiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
DanyM
Administradora
Administradora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 09 Dez 2013, 17:28

Citação :
trans não são CDs


é bom mesmo as meninas se colocarem nos seus lugares, senão o que vai ter de CD na fila para uma protese de silicone com velcro (pra tirar e colocar quando quiser) hehe

_________________
Danielly M. Kreuk
Administradora 3 - Fórum Crossdressing Place
Visite meu blog, acesse
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Isis
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 09 Dez 2013, 17:41

Ahahahaha Dany.,.. quem dera tivesse algo do tipo!

_________________
Why should girls have all the fun?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 08:51

Dany escreveu:
é bom mesmo as meninas se colocarem nos seus lugares, senão o que vai ter de CD na fila para uma protese de silicone com velcro (pra tirar e colocar quando quiser) hehe

Isis escreveu:
Ahahahaha Dany.,.. quem dera tivesse algo do tipo!
que isso gente... mercado livre ae: R$350,00

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
MK Desativado
CD Expert
CD Expert



MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 09:10

Realistas??? Ta brincando...

_________________
Esta mensagem expressa a minha opinião pessoal sobre o assunto e não pretende de forma alguma, ser definitiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
DanyM
Administradora
Administradora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 16:46

PQP Niele .. porque foi colocar esse link ... agora vou ficar com lombriga pra comprar um ...


BUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

_________________
Danielly M. Kreuk
Administradora 3 - Fórum Crossdressing Place
Visite meu blog, acesse
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 17:15

Rachando o bico aqui!!!

Eu quero uma dessas tb, mas acho que vou juntar grana praquele macacao de silicone completo, tem ate uma vagina  na devida area, deve ser muito interessante

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
MK Desativado
CD Expert
CD Expert



MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 17:44

vcs ja viram um de verdade??? rsrsrsr

_________________
Esta mensagem expressa a minha opinião pessoal sobre o assunto e não pretende de forma alguma, ser definitiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 17:56

nao, só em videos do youtube e derivados, tem um cara q tem uma q ele faz umas entrevistas, ele tem ate mascara, mas ae fica uma coisa meio bizarra, vou procurar mais tarde o link e postar, a Mestra K tinha postado no face outro dia desses

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
Isis
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 18:06

Eu acho que a Midori já pesquisou a fundo isso... como eu fiz... esses aí não são nem um pouco realistas...

Querem um par de peitos REALISTA mesmo... olhem isso aqui:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Acreditem, isso NÃO é de verdade! Eu queria ver um ao vivo pra ter certeza, mas na imagem me parece realista demais... se fosse comprar uma prótese, seria essa aí

_________________
Why should girls have all the fun?
Voltar ao Topo Ir em baixo
MK Desativado
CD Expert
CD Expert



MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 19:14

Impressionante, só dizer que produzem leite affraid

_________________
Esta mensagem expressa a minha opinião pessoal sobre o assunto e não pretende de forma alguma, ser definitiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Niele
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 10 Dez 2013, 20:49

Cara...picuiba

AMEIIIII eles são lindos!!!!

_________________
Beijos suas Lindas
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master-Sexx

avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Dom 03 Ago 2014, 22:07

Acabei de comentar em um outro post que o tamanho dos seios é indiferente, entretanto, para não cair numa antitese, também gostei destas próteses do anuncio, são lindas, fico só imaginando a textura, como deve ser ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
cd Marina
CD Master
CD Master
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 04 Ago 2014, 17:23

Isis sao muito lindos... quem nao queria ter seios lindos assim... Ja quanto a questao da transexualidade nao ser mais tratado como doença, nem deveria ter entrado nesse meio de doenças psicologicas. Mas outro dia estava lendo algumas coisas na veja e um cara colocou uma coisa que achei bem interessante... No que diz respeito a outro comportamento sexual...seja trans, cross, gays o que for... a sossiedade so passou a de certa forma aceitar apos essas classes mostrarem seu potencial comercial, vejam so quanto as paradas gays no mundo todo geram de lucros por onde passam, fora outros eventos que surgem ao longo do ano que temos conhecimento... Ficaram bonzinhos, ganharam conciencia, nao... apenas viram que somos muitos e que temos um poder comercial muito grande.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nath
Moderadora
Moderadora
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Seg 04 Ago 2014, 23:08

Muitas meninas inclusive ficam irritadas quando alguém fala transexualismo (ismo é sufixo de doenças). O certo é se referir como transexualidade.

A questão é que até hoje a causa da transexualidade é desconhecida.

Alguns dizem que é uma causa biológica, ligada aos níveis hormonais enquanto estamos no útero e que nossa formação já é a partir daí mais feminina que masculina. Temos a relação entre o tamanho dos dedos e talvez outros sinais que indiquem uma menor ação da testosterona em nosso organismo.

Outras pessoas se referem como algo psicológico, reflexo de nossa interação com a sociedade e família que nos cerca, nos moldando principalmente nos primeiros anos de vida. Dizem que relações simbióticas com a mãe costumam ser muito comuns em mulheres transexuais.

Eu não sei qual causa que é a correta e talvez isso não seja assim tão importante...o importante é que, independente da causa, a transexualidade não é de forma alguma uma doença.

É uma profunda identificação com o gênero oposto ao biológico e aversão ao gênero que nos é imposto.

Algumas pessoas talvez achem que são Napoleão Bonaparte ou tem idéias esquizofrênicas e delirantes de que são mulheres e que alienígenas as abduziram e devolveram no corpo errado...mas a grande maioria de nós não sofre de qualquer transtorno mental e sabe muito bem quem nós realmente somos.

_________________
"Eu acabei de acordar de um sono longo e restaurador. Foi como se eu tivesse experimentado um sonho incrivelmente longo. Eu não sei exatamente como descrevê-lo. Foi como se minhas experiências até agora não fossem minhas. Parecia tão irreal, como se eu tivesse as memórias de outra pessoa dentro de mim. E esta manhã meu eu verdadeiro acordou e eu finalmente percebi que sou uma mulher" -  Ranma Saotome
Voltar ao Topo Ir em baixo
brunalippi
CD Experiente
CD Experiente
avatar


MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   Ter 05 Ago 2014, 08:38

Concordo "ipsis literis" com o texto da querida Nath acima!!! 


Porém, a questão é o que é DOENÇA e apenas Transtorno em psiquiatria! Sou ainda favorável a manutenção da "Disforia de Gênero", em todas as suas diferentes matizes, como uma "disfunção", um transtorno psíquico a ser estudada, tratada, etc. Ou seja, com uma CID, médica, classificada com tal! 
Explico-me: em psiquiatria há uma enorme diferença entre doença mental e outros transtornos. "Em psiquiatria e em psicologia prefere-se falar em transtornos ou perturbações ou disfunções ou distúrbios (ing. disturbs, alem. Störungen) psíquicos e não em doença, isso porque apenas poucos quadros clínicos mentais apresentam todas as características de uma doença no sentido tradicional do termo". (Wikipédia). 


Sendo ou não uma doença, TODOS, com disforia de gênero, "sofrem" os ajustes sociais, a coerção entre o seu comportamento esperado, em acordo com o gênero biológico, e o do seu gênero real, o psíquico! Portanto, apesar da causa ainda ser desconhecida, ocorre sempre um "transtorno", um sofrimento, decorrente da não aceitação social, desde a infância. Além disso, graças a uma CID, ou "reconhecimento do transtorno" é que as pesquisas, estudos, tratamentos e suporte médico/psiquiátrico existem e são mantidos parcialmente pelo Estado! Bjsss
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Transexualismo deve sair da lista de doenças mentais
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Crossdressing Place :: Artigos-
Ir para: