Fórum para Crossdressers, Transgêneros e Supporters
 
InícioInício  PublicaçõesPublicações  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» Alguns dos meus sutiãs
Ontem à(s) 00:37 por marieclaire7

» “EXPERIENTES” NÃO GOSTAM DE SE RELACIONAR COM “NOVATOS”
Sex 20 Abr 2018, 05:31 por MicaellaVinhedo

» TIVE UMA EXPERIÊNCIA, SOU GAY OU BISSEXUAL?
Sex 20 Abr 2018, 05:25 por MicaellaVinhedo

» Normativa de retificação de prenome e sexo
Qua 18 Abr 2018, 16:01 por stefanyemian

» COMO É SER MÃE DE UMA LÉSBICA
Dom 15 Abr 2018, 22:07 por SarahHelen

» É normal o homem ter fetiche de usar calcinha?
Sab 14 Abr 2018, 10:17 por juh.cdzinha

» Urge e purge, o grande dilema das crossdressers
Sex 13 Abr 2018, 06:50 por Fernandacampinas

» Quadrinhos CD/TS
Qui 29 Mar 2018, 14:05 por Akai San

» Deus, sexo e diversidade...
Qua 28 Mar 2018, 15:44 por stefanyemian

» Femininas às escondidas...
Qua 28 Mar 2018, 12:23 por Livia Cdz

» A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.
Ter 27 Mar 2018, 07:28 por stefanyemian

» Encontro Virtual de CDs!
Sex 23 Mar 2018, 15:38 por Rafacdzinha

» Propaganda Carefree
Seg 19 Mar 2018, 07:48 por Celine

» 5 hábitos femininos que você não deve ignorar.
Seg 19 Mar 2018, 07:39 por Celine

» Dicionário Crossdressing Place
Seg 12 Mar 2018, 09:23 por stefanyemian

Tópicos mais ativos
videos de transformações e afins
Quadrinhos CD/TS
grupo de brolita
Dicionário Crossdressing Place
Cotas em concursos publicos - A Discussão.
Encontro Virtual de CDs!
Video que achei por acaso
DEZ PASSOS DE COMO SER UMA CDZINHA!
Videos (não pornográficos)
Carnaval 2018
Estatísticas
Temos 98 usuários registrados
O último usuário registrado atende pelo nome de Darlan

Os nossos membros postaram um total de 9954 mensagens em 385 assuntos
Contador de Visitas

Compartilhe | 
 

 A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.

Ir em baixo 
AutorMensagem
stefanyemian
CD Master
CD Master
avatar


MensagemAssunto: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Sex 23 Mar 2018, 16:42

À medida que mais e mais pessoas passaram a apreciar e a aceitar nos últimos anos,a classificação que o [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] e há muito mais nuances de gênero do que simplesmente "1" e "0" ou "homem" e "mulher".
Muitas das inúmeras preferências e orientações sexuais são conhecidas há muito tempo. Embora ainda existam certas escolhas pessoais que permanecem rigidamente opostas por pessoas menos abertas à mente aberta; Não obstante, realmente não é da nossa conta o que os adultos consensuais fazem por trás das proverbiais portas fechadas!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]No entanto, mesmo para pessoas esclarecidas e com pensamento liberal, questões de gênero e sexualidade podem ser confusas - não apenas porque existem muitas opções, mas, na realidade, muitas pessoas não têm certeza sobre suas próprias preferências sexuais e / ou gênero. Muitas pessoas não são 100% de um gênero!
Então, se você não se conhece, como pode conhecer os outros?
A interpretação de uma matriz típica de gênero / sexualidade parece estar mudando para sempre e temos novos termos como [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] entrando em nosso vocabulário e uso cotidiano: um sinal de que já houve um que gênero é variável e, para algumas pessoas, depende de humor em um determinado dia!
Então, onde essas mudanças de tempo e costumes nos deixam em relação aos crossdressers?
Bem, se você viu ou leu os resultados das pesquisas que foram conduzidas ao longo dos anos com a ajuda e a contribuição de crossdressers, você estará ciente de que uma porcentagem muito alta de homens que fazem crossdresser afirmam ser completamente heterossexuais. Algumas pesquisas colocam esse número em mais de 90%. Isso significa que sua preferência sexual declarada é estar com uma mulher quando se trata de praticar atos sexuais; é só que eles gostam de vestir-se parcialmente com roupas femininas ou fazer um crossdress completo em suas roupas femininas e se apresentar como uma mulher de vez em quando.
Dado o que está acontecendo com outras seções da comunidade transgênero (e a comunidade LGBT em geral), eu sugeriria que essa alta porcentagem auto-relatada de crossdressers sendo completamente heterossexual é enganosa por várias razões principais:


  • Como acontece com muitas facetas do crossdressing, há um elemento significativo de negação envolvido. Pode-se negar por que nos cruzamos, negando que seja uma excitação sexual (certamente nos estágios iniciais da jornada de um crossdresser) ou, como conseqüência, negação de nossa sexualidade. Nós nem sempre gostamos de admitir que somos muito diferentes das pessoas "normais" (quem quer que sejam!)
  • Muitos crossdressers que conheci admitem - às vezes com certa relutância - que, quando se vestem de forma cruzada, fantasiam estar com um homem ou, se não definitivamente um homem, uma pessoa desconhecida, sem nome, quase sem gênero, que pode tratá-los como mulher, que pode acariciá-los e segurá-los, e quem pode admirá-los como mulher. E se coisas de natureza sexual acontecessem ... bem, deixe-as!

    Muitas pessoas provavelmente nunca agirão ou terão a oportunidade de representar essa fantasia. No entanto, o fato de que eles o tenham contemplado - e se a chance realmente surgiu, eles podem levá-lo - é o suficiente para me convencer de que o número de crossdressers que são 100% hetero não é 100% de nós!
    Mãos para cima, quem não teve uma fantasia dessas? Eu não vejo muitas mãos lá fora! Vamos!
  • Então, temos o crossdresser que afirma que ele é hetero, mas que - enquanto maravilhosamente vestido em seu novo vestido En Femme - se envolve em atividade sexual com outros crossdressers ou com um dos muitos admiradores que parecem estar presentes quando há atrativos. CDs por aí.

    Nada de errado com tudo isso, é claro, mas não há nenhum ponto real em negar que as preferências sexuais de alguém podem mudar dependendo das roupas que você veste e / ou se sua apresentação é masculina ou feminina. Também não faz sentido afirmar que as pessoas só podem ser heterossexuais ou gays! Como sabemos há anos, as pessoas podem ser atraídas por mais de um gênero. E, como estamos começando a aceitar mais amplamente, essas coisas não são em preto e branco e podem flutuar dependendo do seu humor ou situação.


No final do dia, você é o que você é! Não deve haver [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] em ser um crossdresser. Não deve haver culpa ou vergonha por querer se envolver em relações sexuais com um homem enquanto você se apresenta como uma mulher bonita e feminina - ou a qualquer momento!
Por mais difícil que seja, devemos simplesmente admitir e aceitar o fato de que nenhum de nós é 100% disso ou 100% quando se trata de gênero e sexualidade!

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

São José do Rio Preto - SP
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
shevalcd
CD Avançada
CD Avançada
avatar


MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Sab 24 Mar 2018, 02:03

Stéfany

Muito bom.
Pena que aprofunda pouco. Mas o espírito é esse.
Ninguém é 100% uma coisa outra. Todos os seres humanos estão em algum ponto entre A e B, por assim dizer.

_________________
Sheila Valentim
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
SarahHelen
CD Iniciante
CD Iniciante
avatar


MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Dom 25 Mar 2018, 00:50

Como já falei em outros momentos, acho que o problema é que a gente não quer ser uma coisa ou outra e aí complica tudo. Se eu fico com homens, seja lá qual for o motivo, eu não sou hetero, oras. Pq eu teria que ser afinal de contas? Acho que a gente se preocupa tanto em querer ser diferente, que acaba esquecendo que o que nos fortalece são as semelhanças.
Voltar ao Topo Ir em baixo
MicaellaVinhedo
CD de Armário
CD de Armário



MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Dom 25 Mar 2018, 06:30

Bom dia, meninas!

Olha, reconheci minha bissexualidade após ler um livro chamado "The Bisexual Option", escrito por este "papa" da bissexualidade Dr. Fritz Klein, a quem acabei conhecendo num congresso nos USA, seis mêses antes de sua morte, em 2005, eu acho. Aliás, ele me pediu pra traduzir seu livro para o Português, coisa que acabei nunca fazendo. Aos 17 anos lí seu livro, e me descobri Bi. 

Adorava sexo com mulheres, e ser fêmea com homens. Digo ser fêmea pois quase nunca quis ser ativo, quando com homens, ou mesmo Travestís. Hoje aos 59 anos, umas 15 mulheres e uns 200 homens depois, me redescubro a cada dia. Soum um "part time" CD, "casado" com uma mulher também "Part Time" CD. Tenho sido fiel desde que a conheci, o que quer dizer que homem hoje, só dividindo com ela. E estou MUITO feliz assim, aliás, estamos. Reclamar do que se tenho meu homem em casa?

Tá certo que em 80% das vezes trocamos os nomes de nossos aparatos sexuais, afinal quem veste as cuecas em casa é le, eu... calcinhas rosa e estampadinhas, e sutien, é lógico. Pela primeiraa vez na vida, não preciso esconder a totalidade de minha sexualidade da minha companheira, que não só me tolera, me apoia, mas acreditem, adora tudo isso. 

Uma coisa, no entanto não mudou nessa fluidez toda, nunca concebí ter uma relação emocional, que não fosse exclusivamente carnal, com um homem cis (desculpem-me as que não curtem o termo).

Depois de dois mestrados (teologia e sexologia), e neste terceiro (casando as duas disciplinas), cheguei a conclusão quão bom é @ Criador, presenteando-nos essa diversidade toda.

Você tem razão Sarah Helen, seja tudo que possa e queira ser. Sejam todas vocês mesmas, e se alguém se incomodar com  isso, é simplesmente porque essas pessoas não só não fazem parte do plano d@ Criador pra suas vidas, mas pior... elas não te merecem!

Beijo a todas,

Mika.
Voltar ao Topo Ir em baixo
bete_darkangel
CD de Armário
CD de Armário
avatar


MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Dom 25 Mar 2018, 06:36

Perfeita a exposição da Stefany.
O problema a meu ver é q a sociedade precisar simplificar pra poder funcionar. Por isso, ou vc criança ou adulto, homem ou mulher, hetero ou homo, corinthians ou palmeiras, direita ou esquerda e por aí vai...
A questão do "CD hetero" aparece pq, inicialmente pelo menos, é um cara nao necessariamente gay q gosta de coisas de mulher, q fantasia em ser mulher. Mas não há rigidez hetero. Como tb não deve haver rigidez gay.
Sempre pensei, e posso ser linchado por isso, q muitos "gays" na verdade são homens q nunca se entenderam direito (CDs? fetiches diferentes?) e como não se enquadravam no padrão hetero foram "obrigados" socialmente a se posicionar como homossexuais.
Claro, existem homossexuais convictos, assim como heteros convictos, mas penso q esses dois casos são minoria. A maioria é como a gente, ou como foi dito, fluido de gênero.
Voltar ao Topo Ir em baixo
bete_darkangel
CD de Armário
CD de Armário
avatar


MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Dom 25 Mar 2018, 06:36

nossa! o forum parece animado logo cedo!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rose Bleue
CD de Armário
CD de Armário
avatar


MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Seg 26 Mar 2018, 17:16

Discordo plenamente.

Se a pessoa é bi, não vejo problemas em ela se assumir bi, mas aí querer enfiar goela abaixo de todos que ela passa a sentir tesão por homem por causa do crossdressing, e que somos todos iguais por compartilhar alguns gostos em comum, desculpe mas discordo.

Cada um é cada um. As motivações e desejos sempre serão diferentes, mesmo que haja alguma semelhança.

E outra, já foi comprovado que sexo anal dá prazer indiferente do sexo ou sexualidade. Querer sentir prazer dessa forma não implica em nada, sendo em contexto fetichista ou não.

O que determina sua orientação sexual é por quem você se sente atraído (feminino, masculino, ambos, etc). E gente, não confundam orientação sexual (hétero, homo, bi, pan, poli) com identidade de gênero (homem, mulher, trans, andro).

E é aí que sempre me entra a questão: Se eu não sinto atração por homens, por que eu deveria fazer sexo com um? Mesmo se for pra ser passivo? Se posso fazer com uma mulher, que me atrai e muito, é claro que vou fazer com ela oras, sendo passivo ou não!

_________________
Aprendendo a ser como sou sem seguir estereótipos forçados, tanto pra lá, quanto pra cá.
Voltar ao Topo Ir em baixo
stefanyemian
CD Master
CD Master
avatar


MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   Ter 27 Mar 2018, 07:28

Rose, este é o propósito do fórum, debater e cada um postar sua opinião.
Muitas vezes, lendo o relato de outras amigas, eu me pego, pensando: "puxa vida, não tinha pensado por este lado..."
Não tenha medo nem receio de postar sua opinião, mesmo que seja contrária da maioria, pois é assim que aprendemos e crescemos culturalmente!

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

São José do Rio Preto - SP
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A Relação de Sexualidade e o Crossdresser.
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Crossdressing Place :: Artigos-
Ir para: